Na tarde de hoje, 28 de janeiro de 2019, houve a reunião, que já estava previamente agendada por publicação em BG, com a cúpula do CBMDF para tratar das futuras contratações dos militares da reserva na Prestação de Tarefa por Tempo Certo (PTTC).

Nesta reunião foi definida a quantidade máxima de militares que poderiam ser contratados, levando-se em consideração a limitação dada pelas projeções financeiras da Corporação, uma vez que nossa proposta  orçamentária foi aprovada antes da majoração do valor da GSV, o que causou impacto direto nas disponibilidades de cotas de Gratificação de Serviço Voluntário (GSV) e traria transtorno à prestação de serviços à comunidade.

“A Força do CBMDF é a integração de todos os nossos Talentos”