CBMDF celebra o Dia do arquivista

No dia 20 de outubro comemora-se no Brasil o Dia do Arquivista. Esta data é dedicada ao profissional responsável pelo planejamento, organização, assessoramento e orientação técnica voltados à gestão de documentos e informações (digitais e convencionais) nas instituições públicas e privadas.
O arquivista tem fundamental importância em todas etapas do ciclo de vida documental, que compreende a criação do documento, a tramitação, o arquivamento, a guarda, a conservação e a eliminação. Sua principal missão é propiciar o eficiente acesso à informação, elemento vital para toda e qualquer instituição.
A formação em arquivologia se dá por meio de curso superior e foi com a promulgação da Lei nº 6.546, de 4 de julho de 1978, que a profissão, juntamente com a de Técnico em Arquivo, foi regulamentada no país.
A origem do Dia do Arquivista remonta a 1823, quando o então deputado Pedro de Araújo Lima, que viria a ser conhecido como Marquês de Olinda, apresentou proposta para a criação do primeiro Arquivo Público do Império, que veio a se tornar o atual Arquivo Nacional. O dia 20 de outubro também é a data de inauguração da Associação dos Arquivistas Brasileiros (AAB), em 1971.
O CBMDF tem em seu quadro de pessoal, 1 (uma) Oficial do Quadro Complementar com especialidade em Arquivologia. A militar é lotada no Arquivo Geral da Corporação e atua como responsável técnica e orienta os trabalhos nas Organizações Bombeiros Militares, Comissões e Grupos de Trabalho no que diz respeito à Gestão de documentos e informações arquivistas.
O CBMDF parabeniza todos os arquivistas e técnicos em arquivo da Corporação e também enfatiza que na data de hoje são comemorados todos os desafios vencidos e as conquistas obtidas ao longo dos anos em benefício da administração pública e da preservação da memória institucional.

English Português Español
Skip to content